Conferência online reúne regiões da Macaronésia

O Subsecretário Regional da Presidência, Pedro de Faria e Castro, defendeu que a primeira Conferência da Macaronésia sobre Transportes, que terminou na passada sexta-feira, “revelou laços de cooperação muito fortes” entre Cabo Verde, Ilhas Canárias e as Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira.

A conferência internacional online, ao abrigo do projeto Integra, teve como mote o tema “O Impacto dos Transportes no Desenvolvimento Sustentável da Macaronésia”, e contou com cerca de duas centenas de participantes das quatro regiões. O evento foi moderado por Francisco Furtado, especialista e analista do Fórum Internacional do Transporte, organização que integra a OCDE.

Para o Diretor Regional dos Assuntos Europeus e Cooperação Externa, Carlos Pacheco Amaral, “hoje, como ontem, como há meio século, são os transportes e as comunicações que poderão viabilizar estes exercícios de continuada senda do progresso das comunidades”.

“É necessário o reconhecimento da realidade objetiva que é a nossa e das exigências que nos coloca, para a superação das quais se torna necessária a garantia de uma rede de transportes capaz de assegurar a dupla mobilidade e a dupla integração de pessoas e bens”, afirmou ainda Carlos Pacheco Amaral.

Participaram, ao longo dos dois dias, oradores dos Açores e da Madeira, como também das Canárias e Cabo Verde, num momento que permitiu “a partilha de visões das quatro regiões ao nível dos transportes terrestres, marítimos e aéreos e cimentarem-se os alicerces para uma futura estratégia conjunta destas regiões no potenciar do seu desenvolvimento económico, social e cultural”, resumiu Pedro de Faria e Castro.

O Projeto Integra (Programa de Integração de Mercados e Desenvolvimento Económico e Social Regional da Macaronésia) insere-se no Programa de Cooperação Territorial Interreg Mac 2014-2020.